domingo, 1 de maio de 2016


Níveis baixos de magnésio são conhecidos nos círculos de investigação como a epidemia silenciosa de nossos tempos. Muitos dos sinais de baixo magnésio não são exclusivos para a deficiência de magnésio e fica difícil de diagnosticar com precisão de 100%. Assim, muitas vezes baixos níveis de magnésio passam completamente despercebidos e não são tratados.

Baixa ingestão crônica de magnésio é extremamente comum e está ligada a vários estados de doença, indicando a importância de considerar ambos os sintomas físicos evidentes e a presença de outras doenças e condições quando se considera o status de magnésio.


Causas da deficiência de magnésio

- Dieta: A ingestão de alimentos é uma das maiores causas de deficiência de magnésio, infelizmente, os alimentos que ingerimos todos os dias são pobres em magnésio, até porque o próprio solo brasileiro é pobre no mineral, sendo assim mesmo que você ingira um boa quantidade de legumes, frutas e verduras (o que a maioria dos brasileiros não fazem) você ainda assim será um forte candidato a ter deficiência em magnésio.

- Stress: é bem verdade que o stress pode se um problema hormonal, mas, tem uma ligação muito grande com a deficiência de magnésio, o stress faz com que seu corpo reaja de várias maneiras, e entre algumas está a alta secreção de hormônios e baixa na na concentração de magnésio no organismo, e este mineral é tão importante que alguns estudiosos no assunto o chamam de Mestre dos minerais por desempenhar mais de 300 funções químicas em nosso organismo.

- Vitamina D: Você não precisa de vitamina D para a absorção de cálcio, mas para a absorção de magnésio ela é uma vitamina essencial,  não temos mais o costume de tomar sol, nem de suplementar essa vitamina, estudos mostram que 90% da população e deficiente em vitamina D e sem ela a absorção de magnésio fica prejudicada.

- Álcool: a ingestão de álcool faz com que as concentrações de magnésio sejam afetadas em nosso corpo, provavelmente todos os alcoólatras são de deficientes de magnésio.

- Diuréticos: Os diuréticos são medicamentos usados para controlar o inchaço em algumas regiões do nosso corpo, isso faz com que você elimine muita água corporal através da urina, mas, nesse processo não comente água sai, como também, alguns minerais, entre eles está o magnésio.

- Anti-ácidos: Para uma boa absorção não só do magnésio, mas também dos outros minerais você precisa de um estômago forte, ou seja seu ácido estomacal tem que estar em ordem, quando você usa anti-ácidos e baixa o nível de acidez estomacal, acaba por atrapalhar a absorção do magnésio.



Sintomas da deficiência de magnésio

- Arritmias cardíacas: Umas da funções do magnésio é relaxar o músculo cardíaco enquanto que o cálcio controla a contração cardíaca, uma pessoa com deficiência em magnésio pode ter as suas funções cardíacas comprometidas tais como; arritmias, palpitação e fibrilação.

Insônia: Dificuldade pra dormir, sono insuficiente, são sintomas da deficiência de magnésio, este mineral e conhecido por acalmar e relaxar, as nossas atividades elétricas e químicas dependem desse mineral para estar em ordem, sem ele é impossível funcionar adequadamente.

-  Cálculos nos tecidos moles: Pedras nos rins e na vesícula podem ser provenientes à falta de magnésio, uma vez que o magnésio e que faz o balanço entre sódio, potássio e cálcio não havendo esse elemento em quantidades suficientes o cálcio acaba por ser depositado onde não deveria os nossos tecidos moles, dai problemas como cálculos renais, na vesícula e nas artérias e veias causando placas de ateroma.

- Pressão alta: Se o sal de cozinha (cloreto de sódio) é um vilão no aumento da pressão arterial, o magnésio faz o oposto juntamente som o potássio, isso nos diz que esse mineral é um regulador da pressão por manter outros minerais em controle.

- Dificuldade de aprendizado: Este mineral está em reações químicas por todo nosso corpo inclusive no cérebro, sem ele o sistema nervoso fica comprometido,m dai surgem os problemas de aprendizado, deficit de atenção, concentração etc.

- Fadiga: um dos sinais mais comuns e precoces de deficiência em magnésio é a fadiga. Porque quase todo mundo se sente cansado em algum ponto e a causa poderia ser de tantas coisas diferentes que é difícil chegar ao diagnóstico correto – uma deficiência de magnésio provavelmente não é a primeira coisa que seu médico vai verificar. E, infelizmente, a fadiga não vai embora até que o seu corpo receba a quantidade certa de magnésio em seu sistema.

- Dores musculares: Há uma boa razão para o magnésio ser encontrado em suplementos de sono e utilizado para aliviar as dores de mulheres em trabalho de parto; magnésio é o mineral que permite que os nossos músculos relaxem. Quando são deficientes em nosso corpo, começamos a sofrer de problemas relacionados com os músculos, tais como cólicas, espasmos e tiques faciais. Nos casos mais extremos, a espasmos e cólicas que podem contribuir para a insônia crônica.




0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

EBOOK DIETA CETOGENICA

Comprar Agora

Ajude nosso projeto

FANPAGE

Postagens Populares

Follow by Email