domingo, 7 de agosto de 2016



Se você pensa em manter a regularidade do funcionamento de seu intestino, e ser feliz em todas as suas idas ao banheiro, se você deseja o aumento de energia, deve deixar o constrangimento de lado e procurar priorizar hábitos saudáveis em relação ao seu trato gastrointestinal.

Com o tempo você pode aprender a desenvolver uma resposta de gestão de stress saudável através da remoção de factores de stress na sua vida ou por acalmar sua mente através da prática da meditação. Enquanto isso, as seguintes dicas podem ajudá-lo a alcançar o sucesso, fazendo algumas mudanças em seu estilo de vida agora.

1- Vaso sanitário: A idéia de sentar em um vaso sanitário pra fazer suas necessidades, é uma idéia nova, nossos antepassados não agiam assim para esse procedimento,
A posição correta não é sentar e sim agachar, o fato de agachar em um angulo de mais ou menos 35°, é a posição ideal para que o intestino faça com que as fezes saia.
Infelizmente não é tao fácil proceder dessa maneira atualmente, já que todos temos sanitários para utilizarmos na posição sentados, uma jeito de resolver essa situação seria colocar um banquinho baixo para que elevássemos os pés e assim conseguiríamos uma posição semelhante a dos nosso antepassados, ou não ficar com o tronco ereto, mas, inclina-lo para frente.




2- Hidratação: Você está ingerindo uma quantidade boa  de água por dia? Ou  você está consumindo excessivamente  bebidas com cafeína e açúcar. Aumente o seu consumo diário de água e diminua bebidas que podem  afetar sua saúde. Certifique-se de que você está bebendo, pelo menos, 2 litros por dia.

No verão,  recomenda-se um pouco mais devido a maior perda hidrica devido ao calor. Beber uma boa parte de água  na parte da manhã (e dar-se 30 minutos a uma hora antes de comer) para ajudar a induzir motilidade intestinal e atividade intestinal saudável. A manhã é o momento mais ativo para seu cólon e o melhor momento para eliminar o desperdício.

3. Água com sal: A ingestão de água com sal tem sido usada durante séculos para melhorar a motilidade intestinal. Simples basta você adicionar uma colher de café, de sal integral em um copo de água e tomar. nas duas próximas horas tomar outros 2 à 4 copos também. O sal ajuda a limpar o cólon tenha em mente que deverá estar por perto de um banheiro.

4. Evite alimentos processados e Álcool: a constipação intestinal  muitas vezes pode ser uma consequência do excesso de muco no seu cólon. Eliminar ou reduzir os alimentos industrializados e altamente processados e álcool de sua dieta. fique longe de glúten, laticínios pasteurizados, soja, milho e amendoim. Siga um plano de nutrição anti-inflamatório.

5.Intervenção Medicamentosa: Medicamentos afetam a saúde do intestino e produzem efeitos colaterais comuns, como a obstipação e diarreia. Converse com o seu médico e discuta com ele as drogas farmacêuticas que estão causando mais mal do que bem.

6. Aumentar bactérias intestinais saudáveis: O microbiota e atividade de bactérias no intestino muda diariamente (5). Introduza bactérias saudáveis em sua dieta, tomando um probiótico diário e consuma alimentos fermentados, como saurkraut, kimchii, iogurte de coco e kefir água de coco.

Probióticos aumentam a saúde intestinal e protege contra a inflamação, aumento da permeabilidade aparente em pessoas com síndrome de intestino e de hipersensibilidade.




7. Evite alérgenos e sensibilidades alimentares: Você pode já estar ciente de que alimentos específicos tais como o repolho, trigo, leite ou produtos de carne defumadas aumentam o desconforto abdominal e altera a frequência de ir ao banheiro. Teste  sensibilidades alimentares usando um teste de biofeedback ou exame de sangue específico.

8. Aumentar Fibra na dieta: A fibra pode ser encontrado em uma fonte de complemento, tipicamente contendo psyllium mas é melhor para receber os benefícios da fibra a partir da natureza. Aumentar a quantidade e variedade de frutas e vegetais em sua dieta. Os indivíduos que consomem dietas à base de plantas têm sido estudados com menos agentes cancerígenos em suas microbiota do que aqueles que consomem principalmente carne.

9. diminuir a dependência de laxantes: Apesar de laxantes tradicionais  serem o primeiro pensamento para tratar a constipação, laxantes talvez não beneficie de maneira peculiar em aliviar a dor e pode agravar o problema. Em vez de depender de um laxante em forma de pílula, tente uma abordagem mais natural como suco de ameixa.

10. Não Segure: Você pode se deparar com a  necessidade de ir a  um banheiro público, mas, por vezes, esta é uma obrigação. Segurar pode fazer que a água e nutrientes possam ser reabsorvido de volta para o corpo. Se tiver vontade de fazer suas necessidades não segure vá ao banheiro.

11. suplemento de magnésio em sua dieta: O magnésio pode estimular o movimento das fezes através do intestino, servindo como um relaxante muscular (8). O magnésio é facilmente esgotados sob estresse crônico, mas pode ser reabastecido em nossa alimentação. Excelentes fontes alimentares de magnésio incluem vegetais de folhas verdes, nozes, sementes.

A melhor forma de usar magnésio para melhorar a atividade intestinal é o óxido de magnésio,  que muitas vezes se usa com clientes que têm queixas digestivas.



12. Exercício: Aumentar a atividade física tem proporcionado benefícios de saúde significativos, tanto física como emocionalmente. Induzir aptidão cardiorrespiratória aumenta o consumo de oxigênio no corpo.

O exercício tem sido estudado para diminuir a frequência de dor, regular os movimentos do intestino, combater a fadiga, diminuir o cortisol e aliviar os sintomas de depressão e ansiedade.

13. Teste para SIBO ou Candida: fezes não saudáveis são um sinal de bandeira vermelha da disbiose microbial. Isso é muitas vezes devido ao crescimento excessivo de bactérias do intestino delgado ou Candida.

14. Carminativo Ervas: Geradores de vento são as ervas que estimulam o sistema digestivo a funcionar melhor. Estas ervas contêm um elevado teor de óleos voláteis que são eficazes para expulsar gás e  aliviar dores de estômago e intestinos.

Eles também tonificam as superfícies mucosas e aumentam a ação peristáltica dentro do esôfago, estômago. Esta ação peristáltica impulsiona alimentos e resíduos através do sistema. As principais ervas carminativas incluem coentro, canela, gengibre, zimbro, anis, erva-doce, cravo, cominho, endro, hortelã-pimenta, tomilho e alcaçuz.

Estes carminatives são muitas vezes combinados com aloe. Aloe é uma erva catárticos que aumenta o tempo de trânsito intestinal e é utilizado para aliviar a prisão de ventre. Estas ervas ajudam a atenuar o efeito poderoso que aloe promove frequentemente no intestino. Essa combinação ajuda a estimular o trato intestinal para aqueles com constipação crônica.

15. Chás para um movimento suave: Usado por milhares de anos para obter o seu "movimento"  senna funciona estimulando delicadamente seus intestinos e ajudando processo de eliminação natural do seu corpo. Este chá combina senna o ervas Carminativo funcho, coentro e gengibre para reduzir o potencial de desagradáveis cólicas. este chá e ser tomado preferencialmente ao deitar, para ajudar a melhorar os movimentos intestinais na manhã seguinte.

16. Suplemento para reparo intestinal: Este suplemento combina aloe vera, juntamente com o apoio carmintive de extrato de alcaçuz Deglycyrrhizinated. Ele também contém L-glutamina que ajuda a formar fezes saudáveis e um poderoso fibra pré-biótica em arbinogalactan.

Arbinoglactan minimiza a síntese de amonía e a absorção, aumenta a produção de ácidos gordos de cadeia curta e aumenta a população da microflora intestinal. É uma das melhores fontes de fibra para os movimentos intestinais saudáveis. usa-se este suplemento para clientes com síndrome do intestino solto, síndrome do intestino irritável e para problemas de diarréia e constipação.

FONTE
/http://drjockers.com/16-ways-to-achieve-healthy-poop/

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

EBOOK DIETA CETOGENICA

Comprar Agora

Ajude nosso projeto

FANPAGE

Postagens Populares

Follow by Email