domingo, 23 de outubro de 2016



Kefir é uma cultura de produto lácteo, que é um dos  alimentos mais ricos em probióticos no planeta e tem benefícios medicinais incríveis para curar problemas como intestino solto ou preso.

Seu nome original vem do Turco"keif", que significa "sensação boa".

Durante séculos, tem sido utilizada na medicina popular Europa e Ásia, devido à ampla variedade de condições  para curar. Quando feita corretamente, é uma das minhas bebidas favoritas e, depois de ler este artigo, espero que você considere incluí-lo em seu regime regular como fonte de probióticos que auxilia a saúde.



Kefir é um produto de leite fermentado (vaca, cabra ou leite de ovelha) que tem gosto de um iogurte bebível.

Kefir contém elevados níveis de vitamina B12, cálcio, magnésio, vitamina K2, biotina, ácido fólico, enzimas e probióticos. Porque kefir não tem um teor nutricional padronizado, os valores de conteúdo pode variar com base em vacas, culturas, e a região em que é produzido. No entanto, mesmo com a gama de valores, kefir tem nutrição superior.


Por causa do conjunto de nutrientes único de kefir ele é sensacional para beneficiar o corpo por 7 razões  principais:


  •    Aumenta   Imunidade 
  •      Cura Doença Inflamatória Intestinal
  •     densidade óssea favorecida
  •     Controla alergias
  •      Controla intolerancia a lactose
  •      Tratamento de Candida
  •      É desintoxicante 
KEFIR  PROBIÓTICO PODEROSO.

Desde o início dos tempos, cada cultura tem a sua maneira de conservar alimentos, principalmente os fermentados para preservá-los. Inconscientemente, eles foram magnificamente criando superalimentos-repletas de microorganismos saudáveis (também conhecidos como "probióticos") e regularmente se vê que muitos que a utilizam tem longa vida com saúde.

Em sua Teoria da Longevidade, Prêmio Nobel Elie Metchnikoff pioneira das pesquisas sugerindo que o leite fermentado tem benefícios significativos para a saúde de volta no início do século 20.

Desde então, a investigação tem demonstrado uma e outra vez que a prática milenar de fermentação é um bom remédio por causa das "bactérias saudáveis" que estão contidas nesses alimentos.

A lista dos probióticos mais comuns que vemos regularmente em alimentos fermentados incluem:


  • Bifidobacteria species
  • Lactobacillus acidophilus
  • Lactobacillus caucasus
  • Lactobacillus bulgaricus
  • Lactobacillus rhamnosus
  • Acetobacter species
  • Leuconostoc
Kefir é um dos alimentos mais ricos em probióticos que você pode comer com várias cepas probióticas importantes. E kefir caseiro  supera qualquer variedade industrializada / processada:

Neste ponto, você pode estar se perguntando: por que nós queremos comer alimentos com bactérias neles? Não as pessoas tomam antibióticos para matar as bactérias, para que possam se sentir melhor?

Viver na cultura americana "antibacteriana", onde desinfetante para as mãos é apenas o comprimento de um braço de distância, pode parecer suicídio para as pessoas a comer conscientemente alimentos ou beber bebidas cheias de microorganismos. No entanto, nada poderia estar mais longe da verdade! A chave para entender isso é aprender um pouco sobre o seu intestino.

OS GRÃOS DE KEFIR SÃO ÓTIMOS PARA A SUA MICROBIOTA INTESTINAL

Você sabia que mais de 75% do seu sistema imunitário está alojado em seu sistema digestivo? Essencialmente, trilhões de trilhões de "boas" bactérias e fungos mataM os microorganismos "maus", e isso te mantém vivo e bem.

Então o que acontece quando você toma antibióticos ou regularmente usa loções antibacterianas e sabonetes?

Você literalmente mata as bactérias boas e as ruins. Este, por sua vez, perturba a simbiose (equilíbrio) da sua microbiota que vai levar a problemas digestivos e reações imunes.

Estudos têm relacionado o autismo a maioria das doenças crónicas a síndrome do intestino solto e má digestão. O problema é que se você não pode absorver os nutrientes na sua alimentação, porque você não tem o equilíbrio adequado de bactérias em seu intestino, dessa maneira o seu corpo terá grandes problemas pois lhe falta o combustível.

Os benefícios do kefir provados por estudos médicos.

Descrita pela primeira vez por tribos na Rússia, "grãos de kefir" não são realmente grãos em tudo, mas é um delicado equilíbrio de levedura e bactérias.

Capaz de fermentar o leite em cerca de 24 horas, os grãos de kefir pode transformar o leite cru em uma bebida Superfood probiótico (kefir), , bebida refrescante 
naturalmente-carbonatadas que tem vários benefícios medicinais chave.

Rico em Lactobacillus acidophilus e Bifidobacterium bifidum, kefir também fornece quantidades significativas de bactérias do ácido láctico e leveduras. Na verdade, o cocktail da microbiota benéfica dentro de kefir torna um dos mais poderosos alimentos probióticos do planeta!

1. Combate o câncer - Consumo de alimentos fermentados mostrou-se eficaz para fazer regredir vários tipos diferentes de tumores cancerosos em estudos com animais. The Journal of Dairy Science, por exemplo, publicou um estudo que avaliou as células imunes em ratos e descobriram que o consumo regular de kefir ajuda a parar o crescimento do câncer de mama.

2. Ajuda na  Desintoxicação - "mutagénicos" são vários agentes que podem literalmente alteram seu DNA e podem ser encontrados em todos os lugares em nosso ambiente.

As aflatoxinas, por exemplo, são toxinas dos alimentos criados por bolor e pode ser encontrada em muitos nozes moídas (é por isso que a manteiga de amendoim provoca alergias e reacções imunes), óleos vegetais brutos (como canola, soja e de semente de algodão), e grãos ( trigo, soja, milho e).

Por ser rico em bactérias do ácido láctico, kefir pode literalmente ligar aflatoxinas (matar) e outros fungos, que ajuda a preservar a expressão genética saudável.

3. Aumenta a imunidade - Da próxima vez que você ficar doente, pense duas vezes antes de tomar um antibiótico e em vez disso beba kefir . Um estudo da Universidade College Cork na Irlanda em comparação entre preparações probióticas  Lactobacillus, e comparou-os aos antibióticos convencionais em modelos de três animais que são semelhantes aos seres humanos. Eles descobriram que, "Em todos os três animais observou-se um efeito positivo na medida em que os animais foram significativamente protegidos contra a infecção."

De facto, os investigadores descobriram que os probióticos funcionaram tão bem ou ainda melhor do que a terapia de antibióticos, não só a eliminação do agente infeccioso, mas na resolução dos sintomas!

4. Constrói densidade óssea - Um estudo 2014 publicado no Journal of Osteoporosis International, descobriu que o consumo de kefir veneficia na densidade óssea e pode reduzir o risco de osteoporose. Os pesquisadores descobriram o kefir, aumenta a absorção de minerais para a  construção óssea usando principalmente cálcio e magnésio.

Os probióticos do kefir melhoram a absorção de nutrientes e os lácteos contém todos os nutrientes mais importantes para melhorar a densidade óssea incluindo o fósforo, cálcio, magnésio, vitamina D e a vitamina K2.

5. Cura IBS e IBD - Por causa das altas doses de probióticos, incluindo as cepas de lactobacilos e bifidobactérias kefir também é um tratamento natural eficaz para a síndrome do intestino irritável. Um estudo publicado em uma revista médica canadense descobriu que os alimentos ricos em probióticos, incluindo iogurte e kefir, pode ajudar a curar IBS e reduzir a inflamação do intestino.

6. Alergias e Asma - Em um estudo recente publicado no Journal of Immunology, descobriu-se o benefícios do kefir em relação a alergias e asma. No estudo, o kefir suprimiu significativamente os   marcadores inflamatórios, células T auxiliares e imunoglobulinas IgE interleucina-4. Os investigadores afirmaram que o kefir tem propriedades anti-inflamatórias fortes que podem ser úteis na prevenção de asma.

7. Melhora a intolerância à lactose - Pode parecer loucura, mas sim produtos lácteos fermentados, como kefir pode ajudar as pessoas com intolerância à lactose do leite. Para agarrar o seu cérebro em torno deste, você tem que manter em mente que a fermentação muda a composição química de alimentos e, como no caso do leite fermentado, kefir é relativamente de baixo teor em lactose.

Além disso, se você luta com problemas de lactose, você pode  tentar adicionar kefir na a sua dieta em pequenas quantidades porque um estudo no Journal of American Dietetic Association mostrou que, "Kefir melhora a digestão da lactose e tolerância em adultos com má absorção de lactose." um aviso: embora  a maioria das pessoas se sintam  muito bem com kefir de leite de vaca ou de cabra uma pequena porcentagem de pessoas ainda podem ter problemas com laticínios.
Tal como acontece com qualquer alimento ou dieta, certifique-se de ouvir o seu corpo.NOTA: Se você já teve uma reação alérgica a qualquer laticínios, então procurae aconselhamento do seu médico ou profissional de saúde natural sobre como testar suas alergias sem ingerir o kefir.











0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

EBOOK DIETA CETOGENICA

Comprar Agora

Ajude nosso projeto

FANPAGE

Postagens Populares

Follow by Email